09.01.15

Trip Tips: Costa Amalfitana (Ravello e Positano)

Depois de dez dias de viagem pela Toscana e Liguria, partimos para a Costa Amalfitana. A Costa Amalfitana é um trecho do litoral da Campânia que é servido por uma estrada costeira (tensa) esculpida, em boa parte, no precipício. Ao longo dessa estrada estão algumas cidades bastante conhecidas, como Amalfi, Sorrento, Ravello e Positano. Nossa ideia inicial era fazer apenas Positano, mas um amigo nos mostrou algumas fotos de Ravello e aí resolvemos passar um dia lá também.

Como chegar: nós devolvemos nosso carro alugado em Firenze e, de lá, fomos de trem para Napoli. Compramos os bilhetes na estação central de Firenze um dia antes para não corrermos risco de ficarmos sem passagens. A viagem Firenze-Napoli é super tranquila e demora um pouco menos de três horas (se não me engano, pagamos 50 euros em cada uma das passagens). Chegando em Napoli, pegamos um táxi na estação de trem até Positano. O preço desse taxi é tabelado e, na época, custou 120 euros. Havia a opção de irmos de barco até lá, mas demoraria bem mais e depois teríamos que pegar um ônibus. Com mala e tudo mais, achamos que o táxi a melhor opção.

O que fazer: Positano é um vilarejo bem pequeno, cheio de lojas de cerâmica e artesanato em geral. O programa mais legal é ir a praia, almoçar por lá e depois ficar andando pelas ruelinhas.

Algumas fotos dos nossos dias em Positano (a maioria eu já tinha postado no meu IG @mariliadiccini)

DSC_1188 DSC_1197DSC_1226DSC_1198DSC_1207 DSC_1240 DSC_1250 DSC_1253DSC_1236DSC_1260DSC_1361 DSC_1362 DSC_1376

Dicas de Restaurante: conhecemos três restaurantes lá e gostamos bastante deles.

– Um é o Al Pallazzo, que fica na área externa do hotel Palazzo Murat, bem no centro do vilarejo. O hotel é maravilhoso e o restaurante é super romântico. Luz de velas, cheio de árvores… bem bacana e com uma comida ótima

– O segundo é o restaurante do Hotel Il San Pietro. Fomos para lá para jantar, com reserva e tudo, mas… o restaurante tinha dress code e o Lucas estava de bermuda, então tínhamos duas opções: 1) ficar no bar do hotel, tomar alguns drinks por lá e depois irmos para outro restaurante ou 2) voltar para o hotel para o marido colocar uma calça hahah. A gente preferiu a primeira opção e foi ótimo porque vimos um pôr do sol INCRÍVEL! Vale super a pena ir conhecer esse hotel, pois, como ele fica bem no alto de Positano, a vista é maravilhosa.

DSC_1336

IMG_8751DSC_1350

– Saindo do San Pietro, acabamos indo para o restaurante do Le Sirenuse, que era literalmente ao lado do nosso hotel. Gostamos bastante da comida de lá e o restaurante também tem uma vista daquelas.

 

Como comentei lá em cita, fomos para Ravello também, mas fizemos esquema bate-volta. A gente alugou um carro com o pessoal do nosso hotel para podermos ir para lá (tinha a opção de irmos de ônibus também, mas seria meio perrengue por causa da localização do nosso hotel). Quando vi que a distância entre os dois vilarejos era de uns 30 km achei que chegaríamos super rapidinho, mas foi quase uma hora na estrada porque é impossível passar de 40km/hora. De qualquer forma, valeu super a pena termos ido. Acho que eu gostei até mais de Ravello do que de Positano.

Algumas fotos de Ravello:

DSC_1279 DSC_1280 DSC_1282 DSC_1287 DSC_1289 DSC_1298 DSC_1301 DSC_1308 DSC_1315 DSC_1324

Dica de Hotel: nós ficamos no Hotel L’Ancora e gostamos bastante. Staff super atencioso, hotel bem localizado e quartos excelentes com uma super vista.

Depois desses dois dias pela costa partimos para Capri, nosso último destino nessa viagem delícia.

Comente!